terça-feira, 9 de outubro de 2007

Confessionário

Não escrevo
______confissões, mas confesso
que me
...escrevo.

11 espinhos:

*izil* disse...

Eu não escrevo poesias,
simplismente me descrevo....
bjs.
izilda

Wagner Bezerra Pontes disse...

muito bom o blog e essa enquete esclarece um pouco pra mim, queria saber sobre essas poesias...elas estão sendo apresentadas nos ônibus de sua cidade, é?! como?!

farei visitas por aqui...e add vcs ao blog...

*ah quase esquecia aquele texto não fui eu quem o escreveu o autor é: Affonso Romano de Sant'Anna, ele está sendo citado por lá... voltarei a escrever coisas minhas(tinha e tenho receio ainda,que peguem meus textos entende?! por isso tenho publicado pouco textos meus....)

abração!!! =D

Canto da Boca disse...

Eu me inscrevo.
;)

Caito disse...

Como já disse o outro, aonde eu assino?

Yvette Centeno disse...

E eu me reescrevo - talvez devido à idade...
a memória tem cada vez maior lugar.
Parabéns pelo blog, boa inspiração-expiração= expressão

Luciano Almeida disse...

belíssimo este aqui, gostando de ler!

Daniel disse...

"Dos veces al año
florecen tus rosas,
y dos veces
la ceniza en el cacto,
las fases de la lluvia."

(Alberto Girri.)
O poema como ideia da poesia?

A escrita como ideia da escritura?
A escritura como uma ideia antes...

Anônimo disse...

Que me eco ! dentro de escrevo!
gostei vou por aí, que ressonâcia a Régio e a seu canto negro!
Os seus passos de morte e não de vida!

Priscila Lopes disse...

Sim, a escrita como idéia da escritura; o poema como idéia da poesia. Resumes a intenção - não, não sei a intenção; ainda que finja tê-la inventado, a desconheço por completo; prefiro o termo: - essência, então, resumes a essência do blog, por enquanto. Espero que ele se mantenha assim. Espero apenas. Porque em se tratando de poemas, selvagens que são, o rumo é impreciso.

Rodolfo disse...

anúncio

poema procura autor:
escreve-me
e descrevo-te.
(31.mar.2005)

Obrigado pela visita aos ecos!
(Que legal este blog!)

Acho que todos que escrevem têm um pouco esta sensação, né? Será que "descobrimos", "criamos", ou "somos descobertos"?

e Platão com isso? *rs*

Um abraço!

Carol Barcellos disse...

Eu me traduzo, mas não confesso, hahaha!!!

Beijos!