quinta-feira, 4 de junho de 2009

COMO DIRIA CASSIANO RICARDO...

a rua

Bem sei que, muitas vezes,
o único remédio
é adiar tudo.
É adiar a sede, a fome, a viagem,
a dívida, o divertimento,
o pedido de emprego, ou a própria alegria.
A esperança é também uma forma
de contínuo adiamento.
Sei que é preciso prestigiar a esperança,
numa sala de espera.
Mas sei também que espera significa luta e não, apenas,
esperança sentada.
Não abdicação diante da vida.

A esperança
nunca é a forma burguesa, sentada e tranquila da
espera.

Nunca é a figura de mulher
do quadro antigo.
Sentada, dando milho aos pombos.

2 espinhos:

Nydia Bonetti disse...

Priscila
Vim agradecer a visita e conhecer teus blogs. Gostei demais. Vou ver tudo com calma.
Bonetti em Santa Catarina! Que coisa boa. Sempre achei que nosso sobrenome era tão raro, me sentia um pouco triste em saber que éramos poucos... Mas na rede descobri que somos muitos. E adoro quando descubro mais um... ;))
Vou procurar a Antologia agora. E volto...
Beijos

daufen bach. disse...

Olá Pricila,

aqi visitando-te. que bonito teu blog. as poesias, ótimas. além de boa esritora tens tino para o garimpo...como diz o garimpeiro, "sabe azougar"...

Parabéns e obrigado pela visita e pelas palavras gentis em meu blog.


Abraço a ti